Blog

Prótese de mama – O que é RIPPLING? Como surge e como evitar?

29 de fevereiro de 2016
Facebook Google Twitter

silicone-or-salineComo já expliquei em postagem anterior, o implante de silicone normalmente é revestido e preenchido com POLÍMEROS de silicone.

Quando um implante é colocado por “dentro” da mama, seja embaixo da glândula mamária ou do músculo, o corpo produz um tecido fibroso ao redor do mesmo chamado cápsula.

 

Em algumas pacientes, essa cápsula e esse implante podem ficar visíveis ou palpáveis, devido principalmente à pouca espessura dos tecidos que se interpõem entre a pele e o implante. Essa situação pode ocorrer logo no início do pós operatório ou ao longo do tempo.

Em casos mais avançados, dobras e ondulações surgem, como se fossem “estrias internas”. Isso é o que chamamos de RIPPLING. Esses RIPPLINGS, ou dobras, se tornam mais percebíveis quando a paciente inclina seu tronco pra frente, como se fosse se abaixar. Pode se apresentar em qualquer área da mama, porém é mais frequente na região lateral.

rippling2rippling protese

 

 

 

 

 

 

As pacientes mais susceptíveis a essa situação são:

  • pacientes muito magras;
  • pacientes com pouquíssimo tecido mamário (glândula);
  • pacientes com pele flácida ou atrófica;
  • implantes de longa data.

Avanços tecnológicos na fabricação dos implantes vêm diminuindo a ocorrência de RIPPLING, devido principalmente a duas mudanças:

polyurethane_q_a_page1 – Graças aos cruzamentos das cadeias dos polímeros de silicone, o preenchimento do implante vem sendo feito de um material mais grudento, coesivo. Essa alta coesividade dá estabilidade da forma, fazendo com que implantes possam ser produzidos em vários formatos, e a mudança postural do corpo (horizontal ou vertical) não altere a sua conformação; e

gummy bear implants

 

 

 

2 – Os invólucros estão mais preenchidos (“estufados”) de gel de silicone, como uma bola que fica cheia de ar, e que não faz dobras ou enrugamentos. Até certo tempo, os “envelopes” não eram totalmente preenchidos, ficando depressões e ondulações em sua superfície.

20100522151636

O RIPPLING nãomarin-aesthetics-silicone-implants2-san-diego-la-jolla é uma situação grave, não é doloroso, e a grande maioria das pacientes convive bem com essa patologia. É importante que a paciente faça avaliações periódicas dos implantes e das mamas c
om o cirurgião plástico, para que sejam tomadas as condutas adequadas para cada caso, e no momento oportuno.

 

Texto: Dr. Ernando Ferraz

Em 29/02/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *