Blog

Prevenindo O SUSTO – E a ansiedade de resultado

8 de abril de 2016
Facebook Google Twitter

o sustoImagine que você vai fazer uma super viagem, inédita! Mas como essa viagem ainda vai demorar, várias amigas e “mochileiros profissionais” chegam pra você e começam a te dar as dicas, pois já fizeram o mesmo roteiro, você entra em blogs e sites de turismo pra pegar mais informações, você vê vídeos do YouTube das principais atrações… A oportunidade é única, nada pode dar errado… De forma que a expectativa e ansiedade com a viagem começam a ficar cada dia maiores… Então, em meio a tanta “informação mental”, você cria “o” roteiro, e fecha os olhos para os outros, porém com alguns pingos de insegurança, sem saber se fez as escolhas certas.

E aí você viaja… Mas por mal tempo, atraso, briga com marido e filhos, seu primeiro dia é péssimo, e nada do roteiro foi cumprido. O desespero bate, e você pensa: lascou, deu tudo errado. Mais pra frente, pra completar, por oportunidades e gostos individuais, cada coisa que você programou vai ficando também diferente, nada tendo a ver com “o” roteiro. Mas não tem nada que faça essa viagem ficar ruim, pois a quantidade de dias, os lugares que você escolheu pra visitar, o hotel e as atrações são boas demais pra você se decepcionar “à toa” com os percalços. E no final das contas, a viagem foi excelente, por motivos óbvios, mas completamente “diferente” do que você tanto esperou!

A expectativa da paciente com o resultado de sua cirurgia, por mais simples que ela seja, é IMENSA. Para ela, é “o” dia. Deve haver um equilíbrio emocional, mas isso não é fácil, principalmente nos dias atuais, com as várias opiniões profissionais, experiências paralelas e a internet. Ainda mais se a cirurgia é marcada com muita antecedência…

A nossa obrigação ÉTICA, como forma de prevenção de inseguranças ou ansiedade, é a de INFORMAR. Temos que tentar trazer à tona o máximo de realismo de tudo o que pode acontecer, utilizando de nossos conhecimentos técnicos e experiência, pois “já sabemos o caminho a percorrer”. Devemos discutir opções e riscos, pois por mais que tenhamos o objetivo do melhor resultado, trabalhamos com a individualidade do ser humano, dos seus sistemas corporais e de sua cicatrização. Não podemos, por exemplo, mostrar fotos, fazer simulações ou prometer coisas concretas, pois não temos o total controle do pós.

Porém, em paralelo, temos também outra função, que é a de prestar ATENÇÃO PSICOLÓGICA, pois toda a confiança nos foi dada. Para nós, ela é mais uma paciente, mais um abdome, mais um peito, e o que teremos no pós já foi de rotina visto e previsto. Para ela, ela é 100%, e tudo é novo, e é nela! Devemos ACALMAR a alma, esclarecer dúvidas e ter paciência para ouvir e saber explicar as limitações e o tempo necessário para que os resultados comecem a surgir. Evitar que a paciente sinta uma frustração precoce, temporária e desnecessária, ou que tenha um SUSTO de um primeiro olhar no espelho, alimentado pela ansiedade e imediatismo de resultado, ao não se ver como tanto se imaginou.05.28-dismorfofobia-300x300

Assim, no final das contas, a “viagem” programada, no seu devido tempo e com sua única e exclusiva forma, pelas boas escolhas feitas previamente, valerá a pena.

 

Texto: Dr. Ernando Ferraz.

 

2 ideias sobre “Prevenindo O SUSTO – E a ansiedade de resultado

  1. Amanda Ponzi

    Viajei nessa viagem, literalmente!!! É bem assim: Nos olhamos no espelho todos os dias, mas tem um dia que esse olhar é diferente e desde então o que antes era normal e até rotineiro, passa a nos incomodar de forma peculiar, mesmo com tantas opiniões e visões contrárias. O nosso olhar passa a ser bem egoísta. Costumo dizer que cirurgia plástica é uma cirurgia egoísta que se faz para VC e para o espelho, ponto! Seria fácil se agíssemos com tanta objetividade assim. E é exatamente neste momento de tanta euforia e empolgação que começam a surgir dúvidas e as opiniões cruzadas só servem para aumentá-las, infelizmente. E é exatamente neste momento que o cirurgião faz toda a diferença! Ele é alguém em quem vc depositou a sua máxima confiança e seus sonhos. É Por isso que digo: Mais importante que a decisão do que se vai fazer, é a escolha do cirurgião! Eu não poderia ter feito melhor escolha, de verdade!!! Dr Ernando é um médico completo!!! Hj entendo tantos relatos positivos de suas pacientes. As informações pre e pós operatórias, os cuidados, a atenção… São coisas que verdadeiramente não tem preço. Já agradeci várias vezes e não vou cansar de agradecer, me tornei fã de vcs. E não poderia deixar de citar o nome de Dr Bruno, anestesista. Equipe maravilhosa, como profissionais e como pessoas. Muito obrigada mais uma vez por todo cuidado, carinho e atenção!!! Excelente texto!👏👏👏👏

    Responder
    1. admin Autor do post

      Uma cirurgia, Amanda, como eu disse no texto, é EXCLUSIVA e ÚNICA. Ninguém pode opinar, pois não é você, e eu nunca mais conseguirei repetir, mesmo que fosse você de novo. Agradeço de coração suas palavras!!! Empenho-me para melhorar a cada dia, e nunca vou estar satisfeito. Acho que temos que dar ao outro a mesma consideração que queríamos ter, num momento de insegurança ou de sofrimento. Bruno, meu anestesista, exímio profissional, à medida que cuida de seus sinais vitais e saúde, faz-me ter autoconfiança para fazer o meu melhor e com o máximo de perfeccionismo possível… Vamos em frente, que a viagem ainda não terminou, e no momento certo os frutos serão colhidos e as lembranças serão as melhores! Um abraço, Ernando.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *